consorcio no museu

Consórcio do Ribeirão Piraí faz última reunião do ano no Museu da Água

  • Redatores: Sérgio Gatolini – DCS Saae
  • Release N.º: 1031
conirpiadmin | SAAE | Indaiatuba -SP

O prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar, atual presidente do Consórcio Intermunicipal do Ribeirão Piraí (CONIRPI), participou na terça-feira (05), da 7ª Assembleia Geral Ordinária da entidade, realizada no Museu da Água de Indaiatuba.

O evento também contou com as presenças de José Geraldo Garcia, Vice-Presidente do Consórcio e Prefeito de Salto; de Marcio Rogério Cardozo que representou o prefeito de Itu, Sr. Guilherme dos Reis Gazolla; de Rosimeire Rabelo Santos Timporim que representou o prefeito de Cabreúva, Sr. Henrique Martin; da superintendente-adjunta do Saae de Indaiatuba, Vanessa Cristina do Carmo Kühl, que também é superintendente do CONIRPI; dos vereadores Benedito Roque Moraes e Maria do Cermo Piunti, de Itu; do Dr. Fabrício Alessandro Barbosa, Secretário Especial e Controle Interno do Consórcio e do tesoureiro da entidade, César Henrique Wulk.

Na reunião, foi acertada a contratação da empresa que fará o gerenciamento ambiental que acompanhará as tratativas pra obtenção da licença de instalação. Também está sendo criada uma comissão com técnicos dos municípios participantes para acompanhar e acelerar os trâmites burocráticos exigidos em uma obra deste porte

No DAEE, houve uma reunião entre os técnicos do Conirpi e do Consórcio PCJ, para verificar junto ao órgão a possibilidade de se construir a obra por etapas. O DAAE sinalizou positivamente dizendo que outras obras no Estado de São Paulo foram realizadas desta maneira.

O próximo passo será o detalhamento de como serão realizadas as etapas construtivas. A expectativa que que já em 2018 a primeira etapa da contração da Barragem seja licitada.

Uma empresa de topografia fará a implantação dos marcos e cotas operacionais destas etapas. Já nesta primeira etapa, já será possível a construção do maciço da barragem, escada de peixes e uma área de reservação, com o dinheiro em caixa que o Consórcio já tem disponível.

 “Está é uma obra de grande importância para a região, pois irá ampliar a captação de água dos municípios integrantes do consórcio” explica o prefeito de Indaiatuba e presidente do CONIRPI, Nilson Gaspar.

BARRAGEM

A barragem do Ribeirão Piraí será construída na divisa dos municípios de Itu e Salto. Terá 386 metros de comprimento, 15 metros de altura, espelho d´água de 1,3 km² e capacidade para armazenar 9 bilhões de litros de água.

A área total a ser desapropriada é de mais de 2,97 km². A obra garantirá a ampliação do volume de captação dos municípios de Indaiatuba, Salto e Itu.