post site dieseljpg

Biodiesel Urbano dá destinação correta para o óleo de cozinha usado

  • Redatores: Marco Matos -DCS/Saae
  • Release N.º: 1075
post site dieseljpgadmin | SAAE | Indaiatuba -SP

O Serviço Autônomo de Água e Esgotos (Saae) e a Secretaria Municipal de Urbanismo e do Meio Ambiente mantêm em conjunto um projeto para dar a destinação correta para óleo de cozinha usado, para evitar que seja despejado na pia, no ralo, no vaso sanitário ou espalhá-lo sobre a terra, o Biodiesel Urbano converte este resíduo em biocombustível.

Biodiesel é uma alternativa aos combustíveis derivado do petróleo. Pode ser usado em carros e qualquer outro veículo com motor diesel. Fabricado a partir de fontes renováveis (óleo de soja, gordura animal, óleo de algodão), é um combustível que emite menos poluentes que o diesel. Saiba aqui porque todos estão falando deste biocombustível.

É uma resposta sustentável ao desafio de inibir o descarte inapropriado do óleo usado, que provocam o entupimento prematuro do encanamento da casa e contaminação de mananciais. Para que se ter ideia da gravidade do problema, um litro de óleo contamina em média 1 milhão de litros de água, o equivalente ao consumo de uma pessoa durante 14 anos. Ao chegar a rede de esgoto provoca rompimento e vazamentos além da proliferação de ratos e baratas e o tratamento do efluente contendo óleo tem um custo muito maior.

Despejá-lo sobre o solo ou derramá-lo dentro do saco de lixo também não resolvem a questão, pois cria uma camada impermeável sobre a superfície, o que facilita a ocorrência de enchentes e pode poluir as águas do subsolo que vão alimentar os rios.

BIODIESEL URBANO

Indaiatuba é a primeira cidade brasileira a produzir biodiesel com óleo vegetal e gordura animal usados, utilizando tecnologia desenvolvida e patenteada pela Faculdade de Engenharia Agrícola da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O biodiesel é um combustível limpo que não polui o meio ambiente e a atmosfera. A usina piloto de Indaiatuba, instalada pela Unicamp, entrou em operação em outubro de 2006.

Nossa cidade é pioneira nessa iniciativa, no aproveitamento do óleo vegetal e da gordura animal, para produção do biocombustível, que não polui o meio ambiente e a atmosfera. Colabore separando em garrafas pet todo o descarte de sua casa e/ou comércio, e deposite em um dos Ecopontos.

Se a quantidade separada for maior que 10 litros, entre em contato pelo telefone 0800 77 22 195, informando corretamente o local, para se fazer a retirada.